David Rosé na minha taça!

Fazia um bom tempo que eu não degustava o espumante David. E sabe que foi bom?!  O espumante italiano, na região de Treviso e da família do Prosecco Bedin, me surpreendeu! Na taça a cor bem clarinha, quase um salmão – claret, mostra toda a delicadeza em se obter um rosé com muito cuidado. No nariz frutas vermelhas e frescor… Na boca uma explosão delicada! Simplesmente perlages pequenas e perfeitas, boca marcante e muito floral. Achei o bouquet delicado e perfeito. Fiquei com a sensação na boca por muito tempo depois do primeiro gole. Mesmo sendo um espumante método charmat me remeteu aos excelentes espumantes método tradicional por tanta classe. Amei mesmo e voltou para a listinha dos espumantes para ter sempre uma garrafa na adega! Outro ponto interessante são as uvas. Nenhuma é vitis viníera italiana, e muito menos as clássicas utilizadas para espumantes no Velho Mundo. Mas o resultado é bom!

david01

Aqui em casa degustamos o David acompanhado de anéis de lula e petiscos variados… Aquele típico espumante para abrir o apetite! E sim, acompanhou o penne ao molho vermelho depois com frutos do mar que preparamos como prato principal!  Essa é a minha dica!

VInho: Espumante David Rose Spumante / País: Itália / Região: Treviso / Castas: Merlot, Cabernet Franc e Carmenere / Importador: Decanter

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.