Vinhos e os seus apps… Será que dizem a verdade?

Cada dia mais as pessoas querem aprender um pouco sobre vinho, e aí cada vez mais surgem novidades no mercado do mundo do vinho para ajudar aos enófilos de plantão. Entre todas essas os mais comentados são os apps (aplicativos). E aí? Você utiliza algum?

Eu entrei nessa onda de postar os meus vinhos, mas cansei um pouco e até retomei algumas semanas atrás… Mas juro que me cansa e acabo esquecendo de postar os vinhos que tomei por lá. Acho importante no meu caso participar, afinal o meu conhecimento pode ser de grande ajuda para os iniciantes do mundo do vinho. Acho até engraçado que as vezes chega uma pessoa na loja, abre o aplicativo e vai verificar os comentários daquele vinho, e realmente acredita que são mais sérios que nós profissionais que estudamos e estamos exatamente a disposição para auxiliá-los nas compras. Já vi caso da pessoa desistir da compra porque um comentário falava negativo de um vinho, daqueles vinhos mega top que merece quase um pedestal… Uma pena mesmo!

VINHO APP

 E será que dizem a verdade? Infelizmente a resposta não é positiva como gostaríamos e temos que tomar cuidado com boa parte do que postam e comentam nesses aplicativos.  Os dois mais balalados são o Vivino e o Delectable, sendo o primeiro de uso voraz no Brasil. E temos cada coisa que fica até difícil acreditar.

Vamos a alguns exemplos do que acontece nos aplicativos:

1. VINHOS “RESERVADOS” com 5 estrelas – É possível? Sim para quem não paga mais de R$ 25,00 em uma garrafa e está começando a gostar de vinho, mas fica complicado as 5 estrelas lado a lado com um Grand Cru da Borgonha, não acham?

2. PREÇOS VARIADOS – cada pessoa compra o vinho em um local, ou seja, cidade com impostos diferenciados, lojas e restaurantes (que costumam ter uma margem de 80 – 100%). Como saber se o preço está correto? Impossível. Infelizmente no Brasil pagamos tributação diferenciada, e o cara lá do nordeste sempre vai achar o vinho mais caro que o do RJ. Além disso, preço de restaurante varia muito! Já vi o vinho exatamente o dobro do vendido na loja. O correto seria o preço da importadora. 

3. COMENTÁRIOS – estão abertos à todos! Apreciadores, amadores e profissionais. Sem dúvida aqui haverá contrastes absurdos. Já vi alguém odiar um Barolo por ter acidez elevada. Sim! A safra jovem e um vinho com acidez alta para aguentar os anos de vida pela frente dentro da garrafa… Como explicar isso a uma pessoa que ainda está começando a entender de vinho? Ou seja, o Barolo foi colocado lá embaixo! Pobre Barolo! Melhor que sobra mais para nós!

Como já disse, eu até uso os aplicativos, mas lembrem-se de tomar cuidado com o que leem por lá! Nem tudo ou quase nada faz muito sentido. Mas sem dúvida existem perfis bem interessantes e que merecem o nosso respeito.

Um comentário em “Vinhos e os seus apps… Será que dizem a verdade?

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.