Cerviolo um Supertoscano na Minha Taça!

Mais um vinho daqueles que você toma pedindo para não acabar a garrafa! O Cerviolo San Fabiano é um desses vinhos! Aquele que trás lembranças boas, histórias e no presente mostra que tem força mesmo! Acho que foi o meu primeiro Supertoscano, que tomei há uns 12 anos atrás… Não lembro a safra, mas acredito que era a 1996, será?! Bem, mas lembro do impacto do vinho, o quanto era marcante e ainda duro. Depois o tempo passou, vieram outros grandes vinhos e até esqueci do Cerviolo na adega. Mas chegaram as festas de final de ano e com elas mais um motivo para comemorarmos em grande estilo, então abrimos!

cerviolo01

Dessa vez o vinho estava mais macio, afinal são 13 anos da safra, e ainda assim a cores eram vibrantes e sem dúvida mais alguns anos na garrafa não faria mal algum. Optamos apenas por decantar com a garrafa aberta, nada de usar decanter. Posso confessar? Sou extremamente preguiçosa com o uso de decanter, e como aprendi com muitos produtores que também não usam e apenas deixam suas garrafas abertas, acho que não estou errada! A borra fica concentrada na garrafa e a última taça acaba adquirindo um pouco… Mas eu bem gosto de sentir um leve toque das borras!

cerviolo03

Vamos ao vinho! A cor do vermelho rubi já com toques alaranjados nas bordas o que mostra sua idade. No nariz é intenso, com cerejas, alcaçuz, pimenta, chocolate, tabaco e outras especiarias… E na boca é uma explosão! Elegante, envolvente, com estrutura e que realmente aquece a boca, com os anos já se mostra aveludado, bem diferente da memória do meu primeiro Cerviolo. Um final longo de boca e bem maduro.

HARMONIZAÇÃO:

Na cozinha quem gosta de uma comida italiana pode simplesmente se esbaldar! Aqui falamos de uma variedade incrível!!! 

Massas com molhos encorpados, javali braseado com vinho tinto, lebre, costela de boi assada; cordeiro estufado, seleção de queijos curados. E até mesmo um Cacciucco alla Livornese que são mexilhões e frutos do mar ensopados em um rico molho vermelho.

O Cerviolo é um corte de 3 uvas, e por “fugir” da castas permitidas da região,  somente carrega o IGT da Toscana, e cada safra eles podem alterar as castas. Sendo essa de 2001 composta de corte de 40% Sangiovese, 30% Merlot, 30% Cabernet Sauvignon.

Infelizmente a safra 2001 não é fácil de encontrar, já está sendo comercializada aqui no Brasil na safra 2008, mas é uma boa pedida comprar 2 garrafas, tomar uma agora e tentar guardar a outra para daqui mais uns anos, e ter certeza da evolução do vinho!

VINHO: CERVIOLO / PRODUTOR: SAN FABIANO DE SALCINAIA / SAFRA: 2001 / REGIÃO: TOSCANA / PAÍS: ITÁLIA / IMPORTADOR: DECANTER VINHOS

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.